terça-feira, 4 de outubro de 2011

Saturno através do terceiro decanato de Libra e a efervescência no mundo árabe



Saturno neste momento passa pelo vigésimo grau de Libra (o grau 19). No momento em que escrevo este post ele está posicionado exatamente em 19°04' de Libra. Dentro de alguns dias, Saturno ingressará o terceiro decanato de Libra, e passará um bom tempo transitando esta região do zodíaco, temos quase 1 ano inteiro pela frente. Esta região do zodíaco é muito interessante, e é referida por alguns astrólogos como uma região que diz muito a respeito do Oriente Médio.

De modo geral, o signo de Libra como um todo tem muito a nos dizer sobre o povo árabe, sobre o Oriente Médio como um todo, sobre Israel e também o povo Judeu. Tradicionalmente, Vênus está associada ao povo árabe, e é a sexta-feira o dia sagrado para os Árabes, justamente o dia regido por Vênus. Saturno é o planeta associado tradicionalmente aos Judeus, e para estes é o sábado, dia de Saturno, o dia sagrado. E é no signo de Libra que vemos o encontro destes dois planetas, já que Vênus tem domicílio em libra, e Saturno a exaltação.

Vemos Libra também quando analisamos os mapas de alguns dos principais representantes daquela região. Por exemplo, o mapa de fundação usado atualmente para representar a Arábia Saudita tem o Sol em Libra, enquanto que o Ascendente de fundação do atual estado de Israel tem o Ascendente em Libra.



Usando a bíblia como fonte bibliográfica, temos a história do Rei Salomão, fundador do Templo da cidade de jerusalém, um dos principais, se não o principal monarca da história tradicional judáica, personagem que detém em si o simbolismo básico de Libra, a absoluta imparcialidade, justiça e sabedoria.

De acordo com artigo de Raul V Martinez, Em libra existe uma região compreendida entre os graus 21° e 23° de Libra, que ele chama de "graus árabes" e aponta como fonte um outro astrólogo, Maurice Froger. Veja o artigo clicando no link. Neste artigo, intitulado "Éris e os graus Árabes", Raul levanta algumas suposições relacionadas ao planeta Éris, que na época era recém descoberto. Saturno formará oposição com Éris ao longo desta retrogradação que se aproxima.



Para muitos astrólogos, Éris teria justamente a natureza do signo de Libra, sendo que alguns falam inclusive em se atribuir a regência de Libra pra este planeta, impulso um tanto exagerado , diga-se de passagem. Muito ainda tem para ser pesquisado a respeito de Éris antes de se lhe atribuir uma regência, coisa que inclusive nem é necessária. O fato é que o ano de 2012 será a primeira vez em que veremos uma ativação direta de Éris, através da oposição com Saturno, após a sua descoberta. É muito provável que eventos que ainda estão por vir ajudem a esclarecer um pouco mais acerca dos significados de Éris.

Acontece que esta será uma oposição realmente forte, vai durar meses! Saturno vai estacionar entre o fim de Maio e o início de julho, em 22° de Libra, e estará o tempo inteiro em oposição exata com Éris, justamente em um dos referidos "graus árabes". E eferverscência no mundo Árabe nós ja temos de sobra. Sabemos que aquela região é um barril de pólvora, e parece que um forte gatilho será acionado ao longo de  2012. Isso sem mencionar o fato de a quadratura Urano Plutão realizar o seu primeiro contato exato justamente no ano que vem, perigosamente próxima do grau do Sol do mapa que é atualmente utilizado para representar o Irã (10°Áries).

Pra entendermos bem, vamos ver como se dará a movimentação de Saturno daqui em diante.

Neste momento, como eu já disse, Saturno está exatamente em 19°04' de Libra.

É dito que o grau exato da exaltação de Saturno é o 20° de Libra. Saturno passará por este grau entre os dias 12 e 20 de Outubro.

Sol e Saturno formarão conjunção no dia 13 de Outubro, em 20°de Libra, grau exato da exaltação de Saturno. Essa tende a ser uma péssima conjunção do ponto de vista solar.

A primeira oposição exata entre Saturno e Éris ocorre já entre os dias 26 e 27 de Outubro, em 21° Libra/Áries, quando finalmente veremos a primeira ativação de Éris desde que esta foi descoberta.



Saturno avança pelo signo de Libra, passando pela conjunção com as estrelas Spica e Arcturus nos arredores do grau 24° de Libra. Ele vai estacionar no dia 7 de fevereiro em 29°30' de Libra, logo após um trígono com o planeta Netuno que se repetirá novamente meses a frente, com Saturno já em Escorpião e Netuno definitivamente em Peixes.  

Em movimento retrógrado, Saturno volta a formar oposição com Éris exatamente no momento em que saturno estaciona, coisa que ocorre no dia 24 de junho, com saturno em 22°45' Libra, e Éris em 22°40'Áries. O contato exato propriamente não ocorre, mas a oposição permanece partil ao longo de todo o mês de junho e boa parte de julho.



O estacionamento de um planeta é referido tradicionalmente como uma debilidade, e tende a marcar períodos difíceis, principalmente durante o segundo estacionamento, e principalmente quando falamos em Saturno. Somando a oposição com Éris, teremos um período no mínimo intenso !

Pra engrossar este caldo, Marte, que passará todo o período do primeiro semestre no signo de Virgem em função de uma retrogradação, vai ingressar no signo de Libra no dia 3 de julho. Em 18 de Julho, é a vez de Éris estacionar. Mais a frente, no dia 11 de Agosto, é Marte quem forma oposição com Éris, e por fim atingindo a conjunção exata com Saturno no dia 15 de Agosto.

Este trânsito de Marte por Libra será especialmente intenso, porque será a primeira vez que Marte passará por Libra desde a ultima conjunção Marte saturno em 2010, que ocorreu em graus iniciais de Libra. De lá pra cá, é como se Saturno tivesse reestruturado todo o signo de Libra através do seu trânsito, será a primeira ativação, e para muitas pessoas, será como uma recapitulação de tudo o que foi vivido  de 2010 até as vésperas  da conjunção Marte saturno do grau 24° de Libra.

Ufa! Eu sei que muita gente não vai entender tudo o que está neste texto, mas o que eu quero aqui é principalmente chamar atenção para a questão dos graus árabes, e da tensão natural que ja existe no oriente Médio. Estamos diante de um momento que ativará aquela região de forma tensa e de tal forma, que é impossível que algum evento maior (como uma Guerra de proporções médias, talvez maior que a última guerra do Iraque) não ocorra. Vamos aguardar!

Muito a respeito do simbolismo de Éris ainda é uma incógnita. Basicamente, o que se sabe é tortamente esboçado com base em mitos gregos que envolvem  a deusa Éris, e se atribui a Éris-planeta atributos "discordianos", entendimento dos mais simplórios, como se Éris significasse apenas o ato de discordar, ou a discórdia em si, como se Marte e mercúrio já não fossem suprimento suficiente dentro desta temática. Imagino que a partir dos eventos de 2012 ficará mais claro qual o real significado deste planeta, se é que há algum. Aguardo esta oposição com ansiedade,apesar de imaginar que seus resultados não devem ser dos melhores.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Ava on 3 de novembro de 2011 01:38 disse...

Baphão!

Eduardo Sena on 5 de novembro de 2011 20:49 disse...

Éris aceita a exclusão,mas,se não for tributada,
gera o desentendimento.
Se ela não pode ser feliz,mais ninguem deve ser.
Sua satisfação está no sofrimento alheio.

Postar um comentário

 

Mega Astrologia Copyright © 2008-2015