domingo, 24 de fevereiro de 2013

Marte em Peixes ♓



É engraçado como quem está acostumado com astrologia moderna costuma associar este Marte a um posicionamento ruim, como se ele indicasse "comportamento afeminado" ou covardia, coisas que de modo algum estão associadas a Marte neste signo, muito pelo contrário. Marte em qualquer signo é coragem, e uma pessoa será corajosa na medida em que Marte tiver importância no mapa dela. Coragem não é medida pelo signo de Marte. O problema de Marte em detrimento ou queda não é falta de coragem, mas a coragem usada para finalidades maléficas ou em situações inadequadas. A coragem portanto é caracterizada pela proeminência de Marte: Muitos planetas  e ângulos em signos de Marte, Marte angular, direto, rápido, em aspectos harmônicos com outros planetas, etc.

Na verdade Marte em Peixes é um dos posicionamentos mais desejáveis. Marte tem triplicidade em todos os signos de água, e isso inclui o signo de peixes. Além disso, especialmente no terceiro decanato de Peixes Marte tem inclusive mais poder do que o que ele tem em Áries, já que neste decanato estão localizados os termos e a face de Marte. Marte fica portanto triplamente dignificado quando está no último decanato de peixes, exceto nos 2 últimos graus que tem natureza mais saturnina.


Peixes é ainda a baixeza de "Marte". Baixeza portanto não significa uma coisa abjeta: ao contrário, pra astrologia é algo muito bom. significa que o planeta está mais próximo do Sol, e conseqüentemente mais rápido. Lembram no ano de 2003, quando Marte formou oposição ao sol e circulavam aqueles e-mails dizendo que ele apareceria maior do que a lua numas determinadas noites do final do mês de agosto? pois bem. Na verdade, sempre que marte passa por peixes temos a oportunidade de enxerga-lo com mais clareza, porque se ele passa próximo do sol, consequentemente está ligeiramente mais próximo da terra. Mas essa aproximação é maior somente quando, além de estar em peixes, marte também está em oposição ao sol, e isso aconteceu em 2003, com o grau exato da oposição sendo praticamente o mesmo grau exato onde Marte é mais rápido (06° Peixes).

Mas isso não significa que algum dia teremos a oportunidade de ver "Marte maior do que a lua", pra isso ocorrer Marte precisaria estar fora de órbita. A situação que ocorreu em 2003 é extrema e se repete muito raramente. Marte em Peixes em oposição ao sol é um evento raro! e é especialmente raro vermos essa oposição ocorrendo justamente próxima ao ponto do perihélio marciano (ao qual eu chamei de baixeza anteriormente). Isso se dá em função da rapidez do movimento de Marte quando em Peixes. Na verdade é mais incomum vermos Retrogradações de Marte nos signos de Aquário, Peixes e Áries. Invariavelmente, se Marte fica retrógrado em Aquário, ele não fica retrogrado em Peixes no mesmo ciclo, e vice versa. Por outro lado, nos signos onde Marte é mais lento (Leão, Virgem e Libra), as retrogradações sempre ocorrem em todos os Signos em sequência. Por exemplo: Em 2003 Marte ficou retrógrado em Peixes. Antes disso, em 2001, ele ficou retrógrado em Sagitário, e depois disso em Touro no ano de 2005. Ele pulou as retrogradações em vários signos! Mas em 2010 Marte ficou retrógrado em Leão, em 2012 em Virgem e ano que vem ficará retrógrado em Libra, seguindo a sequência.

Ainda sobre Marte no signo de peixes: Esse é o Marte emergencial. Como peixes é o signo que representa o caos, é em meio a esse tipo de situação que um marte em Peixes vai se mostrar mais útil. Marte em Peixes não luta para preservar ou prevenir o que quer que seja. não busca culpado pelos acontecimentos. Não culpa e não discrimina ninguém: Ele é aquela força que surge quando estamos diante do caos e não há nada a fazer a não ser ajudar quem precisa. No meio de um desastre por exemplo, não há muito espaço pra uma ação preventiva virginiana ou para as teorias do eixo Gêmeos/Sagitário. A ação precisa ser indiscriminada. A força de quem tem Marte em Peixes portanto é maior quando a pessoa se encontra nessas situações extremas.

É interessante notar o fato de que Marte tem força justamente no último e também no primeiro signo do zodíaco. Fins e inícios tem uma característica marciana. Aliás, o primeiro e o último decanato do zodíaco são regidos  pelo mesmo planeta, que é marte. Marte parece se fortalecer justamente nos estágios zodiacais que representam um corte: Em Áries, o nascimento que em si é um grande corte em relação ao estado anterior, que era a não-existência. Depois vemos marte se fortalecendo novamente somente no signo de Virgem, o signo da poda. Em escorpião, signo das perdas, e em seguida em Capricórnio, o limite de desenvolvimento de qualquer ciclo. Finalmente ele se fortalece em peixes onde as coisas finalmente terminam.

Marte entrou em Peixes dia 1 de fevereiro de 2013  as 23:39
Permanece em Peixes até 12 de Março de 2013 as 3:11, quando entra em Áries




Comentários
9 Comentários

9 comentários:

IdoMind on 22 de fevereiro de 2011 19:18 disse...

Adelaide

Excelente artigo.
Afinal ter Marte em Peixes não é assim tão mau. ufffff alivio..

Beijinhos

Onda Encantada on 22 de fevereiro de 2011 19:48 disse...

As minhas palavras eram "quase" iguais às da IdoMind...

Primeiro: A excelência do artigo, é que mais do que astrologia falamos também da investigação e compreensão cientifica do ciclo.

E depois... de facto, e contrariando, aquilo que sempre entendi (e me foi dito) sobre o meu marte em peixes... afinal, até que é bom!!! :)))

Beijossss

silvio on 22 de fevereiro de 2011 20:43 disse...

Poxa, eu estava prestes a pedir pra voce falar sobre marte debilitado elias, muita coincidencia voce postar sobre marte em peixes logo agora. Eu tenho marte em cancer e nunca me vi como uma pessoa covarde, apesar de achar que marte em um signo de fogo dexa qualquer pessoa mais forte e corajosa. Acho que estava contrariado, mas apesar disso poderia falar algo sobre marte angular ou planetas angulares, pois tenho marte no meio do ceu debilitado, e ainda nao esta claro pra mim como funciona. Abraços!!

Gisela on 24 de fevereiro de 2011 13:37 disse...

A-meeeeeeeeeeeeei!!Até que enfim alguém falabem do meu Marte, do Marte da Marylin Monroe, eba! Ariana de ascendente Virgem, Júpiter Áries agradece. Merci. Porque o que dá de gente fazendo maldade e com Marte em L... Hum.. cala-te boca. ahahaha

Bisous!

jhonatan on 24 de fevereiro de 2011 20:25 disse...

Todo mundo concorda que em outros sities/blogs/revistas só se fala mal deste Marte, finalmente alguém que realmente entende de astrologia esclareceu um pouco deste Marte pra nós. O preconceito contra o Peixes marciano (principalmente em mapas de homens) é grande, é quase uma "homofobia astrológica", rsrs.

Emanuel on 25 de fevereiro de 2011 19:21 disse...

Olá Elias. O seu texto foi um insight para mim, dentro dos aspectos correlacionados ao Tarot. Escrevi sobre isso aqui:
http://conversascartomanticas.blogspot.com/2011/02/astrologia-e-o-dez-de-copas.html

Christine on 26 de fevereiro de 2011 19:35 disse...

Elias, sei q não tem nada haver meu comentário a esse assunto, mas poderia explicar, quem sabe futuramente e se puder, a questão do novo signo do Zodiaco. Li numa reportagem q foi alterada as datas, não sou mais do signo de Leão e sim de cancên. E o novo signo se chama Serpentário.

Beijos!

Maria Oliveira on 8 de julho de 2013 19:19 disse...

Ahh, finalmente, um texto que fale bem mais coisas boas de Marte em Peixes.

Janu Bartolomeu on 27 de abril de 2015 23:09 disse...

Pois é, todo mundo achando interessante esses esclarecimentos sobre marte em peixes, imagina só se o autor continuar com a série super interessante que ele iniciou no post "Dos domicílios, exaltações, detrimentos e quedas dos planetas: parte 1 o Sol". Procurei mas não encontrei a continuação e foi revelador. Seria muito interessante intender como que funciona por exemplo a lua em Câncer e em Touro, em qual posição ela esta mais forte e porque. Qual é o "problema" da mesma em Capricórnio, já que esta é uma lua muito elogiada. E Vênus, é difícil de intender sua queda dela no signo de Virgem, signo tão preocupado com a aparência. Mercúrio e Marte são um pouco mais fáceis de interpretar, mas seria interessante ver a visão do autor sobre eles, principalmente sobre a posição de Marte nos signo de Câncer e de Touro. Já os planetas sociais Júpiter e Saturno queria intender como é que se reflete a influencia desses astros nas dinâmica social do individuo sobre essa perspectiva dos domicílios, exaltações, detrimentos e quedas, especialmente Júpiter no eixo Câncer/Capricórnio e Saturno no eixo Áries/Libra. Seria interessante inclusive conhecer qual é a posição do autor desse blog sobre esse mesmo tema aplicado aos planetas transaturninos Urano, Netuno e Plutão. Enfim, aprecio muito a seriedade e forma esclarecedora com que o autor escreve, certamente é o blog mais didático sobre astrologia que eu tenho conhecimento e sinto falta de quando o autor postava com mais frequência. Os posts têm sido cada vez mais "raros" de uns 3 anos para cá. Fica aqui meu depoimento e minha torcida para que o autor volte a nos agraciar com seus conhecimentos, sua forma brilhante de escrever, que consiga ter mais tempo para se dedicar ao blog, postar com mais frequência e dar atenção aos leitores mais fiéis que acompanham de verdade o blog. Um grande abraço!

Postar um comentário

 

Mega Astrologia Copyright © 2008-2015