sábado, 15 de novembro de 2008

Björk



Björk é um dos seres mais fascinantes e mais excêntricos da atualidade. Pra começar, a moça nasceu na Islândia, uma ilha isolada localizada no atlântico norte. É uma cantora extremamente inspirada e inventiva, considerada uma das maiores divas do pop. Em ambientes pseudo-intelectuais ela bomba, o som dela mistura desde sonoridades clássicas, até a música eletrônica mais experimental, sem um padrão definido ou estilo absolto que a defina, sua principal característica é a constante reinvenção de seu estilo e seu experimentalismo. Ela é conhecida também pelo seu comportamento excêntrico, polêmico e agressivo em algumas situações. Ela nasceu no dia 21 de novembro de 1965, em Reykjavik (capital da Islândia), às 7:50 AM. Abaixo podemos ver o mapa astral da cantora:



Ela é de Escorpião, tem lua em escorpião e ascendente em Escorpião. A lua cai na casa 12, e está em queda. Vemos uma natureza oculta turbulenta, emoções muito intensas e uma necessidade muito grande de manter intacta a sua privacidade. Depois vemos um sol no grau 29° de Escorpião, angular na primeira casa, além de um netuno em escorpião em conjunção com o ascendente: Uma pessoa exótica, fascinante, do tipo cuja simples presença altera os humores ao seu redor, que possui uma carga intensa e magnética, que nasceu pra chamar a atenção, hipnotizar, cativar, atrair.  Ela não pode fazer nada, seu magnetismo atrai e repele com intensidade e as vezes ela tem de lidar com assédios intensos , até mesmo agressivos. Ao mesmo tempo ela detesta que a invadam, ela é exclusivista, não gosta de ficar dando satisfações, seu sonho secreto era o de possuir a invisibilidade para poder deslizar incógnita pela vida. Mesmo estando sol e lua no mesmo signo, ambos são significadores de um conflito gigantesco.



Marte está em Capricórnio e é o dispositor da massa escorpiana do mapa da Björk, ele é uma influência estabilizadora, que concede firmeza e diligência, muita responsabilidade e uma ambição construtiva. Ela tem mercúrio em sagitário, em recepção mútua com Júpiter em gêmeos, o que amplia os horizontes da mente, confere uma sede muito grande por conhecimento, uma necessidade intensa de aprender e de comunicar. Júpiter amplia o pensamento processado em mercúrio, enquanto mercúrio traduz as abstrações filosóficas de Júpiter, e algo que deveria ser um desastre (mercúrio e Júpiter em detrimento) se revela, através da recepção mútua, algo extremamente valioso e benéfico. Mas não podemos deixar de citar o fato de ela ter um gosto especial por dar declarações polêmicas (muito típico de mercúrio em sagitário). Um exemplo disso foi a manifestação pró libertação do Tibet que ela fez em um show recente na China, na cidade de Xangai.



Na casa 10 ela ostenta uma conjunção entre urano e plutão no signo de virgem, planetas geracionais, que neste caso estão angulares. Podemos dizer que a Björk é uma espécie de veículo, um meio de expressão dessa geração virginiana / escorpiana (porque netuno também está angular, conjunto ao ascendente). Ela veicula o simbolismo dessa geração através da sua arte, que contém também uma carga muito crítica e cônscia do mundo em que se situa. A mensagem dessa geração é bem clara: fala da necessidade simultânea de manutenção da vida e insinua um meio para que se consiga isso: a purificação. Assim Björk como imagem pública pode ser dita como vanguardista e transformadora.







A maioria das pessoas conhece o lado agressivo da cantora, tão explorado pelos tablóides. Em 1996, na Tailândia, quando saía do avião e passava pelo aeroporto ela acabou descontando a indignação em um repórter incauto que resolveu se aproximar demais. Em janeiro de 2008 uma situação muito similar ocorreu na Nova Zelândia. Ela havia pedido que não tirassem fotos, um repórter teimoso não obedeceu e teve sua camisa rasgada pela fúria islandesa. O que existe em comum, astrologicamente, nestes dois eventos? O trânsito de Júpiter, em queda, no signo de capricórnio, ativando (e irritando bastante) o marte da cantora. Quem quiser ver a Björk detonando um repórter incauto pode acessar o vídeo abaixo:


björk quebrando tudo





Outro fato curioso da vida da cantora que pode ser citado foi, quando urano transitando por aquário formou quadratura com a lua dela, Júpiter também estava em aquário pra amplificar um pouco as coisas: Um fã incandescido enviou uma carta bomba pra casa da cantora! Por sorte ela não foi atingida, mas este é um bom exemplo do efeito que uma personalidade plutoniana pode causar nas pessoas: o fascínio que pode despertar ao mesmo tempo o desprezo e o riso pode ser também fonte de paixões avassaladoras e despertar ódios inexplicáveis.



Comentários
4 Comentários

4 comentários:

Liader on 3 de março de 2011 10:59 disse...

Elias Mendes, meu caro, queria primeiro te dizer que é o mais completo sobre astrologia que já vi e que é o com as descrições mais específicas também. Eu gostaria de saber mais sobre essa questão da personalidade plutoniana.
Eu sou Escorpião com ascendente em Touro e tenho Marte em Sagitário (sou irritado, confesso, mas não tão colérico assim quanto dissestes dos martes em fogo). Queria saber se, olhando por cima é possível dizer que chego a causar essa reação, tenho o Sol (casa 7), Mercúrio (casa 6), Vênus (casa 7), Júpter (casa 6) e Plutão (casa 7) em Escorpião (principalmente por causa do meu regente também estar nesse signo)? E urano e netuno em trigono com ascendente é mais ou menos como ter ascendente em Aquário e Peixes, respectivamente, com a impressão sólida de um Taurino? Ah, minha lua é Peixes, e eu lembro de todas as datas de aniversário dos meus colegas (uma pequena observação).

Anônimo disse...

Gostaria de mencionar que a maneira pela qual a Björk manteve a auto-proteção "agressiva" contra a mídia ou o público, foi por instinto de sobrevivência. Em meados dos anos 90, se não me engano, ela sofreu tentativa de homicídio por um fã com uma carta bomba.. se isso ocorreu mesmo ou não, ela tá no direito de se defender. Mas sei que é esse o tom excêntrico-patológico que algumas pessoas a veem.

Gostei dos seus textos. Eu li sua interpretação do mapa do Salvador Dalí e, particularmente, depois do Kurt Coubain e dela.

Tenho bastante água e é difícil as "mudanças de pele" Sou câncer; asc. câncer; lua em áries; marte em escorpião, vênus em câncer, mercúrio em câncer... enfim.


Abs,
Priscila

Anônimo disse...

Queria uma Analise da Christina Aguilera, ela é uma mulher muito interessante,obrigado.


Igor Carvalho

Anônimo disse...

Conheces a Tori Amos? É uma mulher incrível ao lado da Bjork, certamente deve ser extremamente interessante seu mapa astral.

Postar um comentário

 

Mega Astrologia Copyright © 2008-2015